Um Pesadelo

Quando era pequeno a pior parte da meu dia era a noite, principalmente a hora de dormir, quase sempre sentia que tinha algo circulando minha cama, ou um mão pousada sobre meu corpo.

Nas noites em que algo circulava no sentido anti-horário me sentia mal, até escoriam chorava bem baixinho (também tinha medo, muito medo…) para que ninguém notasse.

Nas noites em que algo circulava no sentido horário me sentia segura e alegre (até sorria na escuridão de meu quarto).

Nas noites em que sentia uma mão pousada sobre meu corpo, sentia que nada poderia me fazer mal.

Sempre tinha cada uma destas sensações em um dia diferente, porém na última noite senti os três em um curto espaço de tempo, mas durou pouco tempo e logo cai no sono.

Porém no meio da madrugada acordei e notei que meu braço direito estava fora do perímetro de minha cama, tinha algo puxando meu braço e esta mesma coisa estava mordiscado meus dedos cada vez mais força, então tomei coragem e pus minha cabeça para olhar o que estava me puxando, então eu vi algo que para minha pouca idade na época era assustado, eram dois olhos de coloração avermelhada e um “sorriso” manchado de vermelho, por muito tempo tive medo do escuro…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s